Postagens

FRACTAIS HUMANOS (NA GEOMETRIA ABSTRATA DAS MASSAS CHINESAS)

Imagem
FRACTAIS HUMANOS (NA GEOMETRIA ABSTRATA DAS MASSAS CHINESAS) ARTE

POR: PIJAMASURF - 2016/08/07

Dos 7 bilhões de habitantes do nosso planeta tem agora mais de mil 300 milhões vivem na China.formações de massa para desfiles públicos, exposições e até mesmo oficinas e fábricas comprimido clunkers corpos humanos em espaços otimizados para um tipo bem definido de socialização. A massa é a presença plural de consenso tácito, unidade nacional disfarçando uniformes subjetividade, dando a sensação gratificante (o poderoso) definiram um local abstrato, mas controlável, artificialmente harmonizada através da magia da lente fotográfica . As massas de pessoas têm fascinado a imaginação ocidental em uma genealogia que Walter Benjamin rastreados para o momento em que a noção de espaço público é expandido com o advento de grandes populações urbanas. O significado eo traço rota, as diferenças de classe, raça, sexo, parecia estar fora da multidão, composta de deslocamento e inclassificáveis ​​subjetividade…

OS ÚLTIMOS SAMURAIS EM 20 FOTOGRAFIAS RARAS DO SÉCULO XIX

Imagem
Os últimos samurais em 20 fotografias raras do século XIXSamurais eram guerreiros da aristocracia japonesa que existiram durante um período de aproximadamente novecentos anos, isto é, entre 930 e 1877. De início, eram apenas coletores de impostos e funcionários civis do império. Por volta do século X, receberam, entre outras funções, o status militar. Com a ascensão do primeiro xogunato no final do século XII, passaram a classe dominante e chegando a compor 10% da população japonesa. Em 1868, com a Restauração Meiji e a queda do terceiro xogunato, o poder voltou às mãos do imperador, que formou um exército no estilo ocidental e passou a perseguir e eliminar a classe. Os samurais eram muito rígidos moralmente, seguiam um código de honra muito precioso: obushido (caminho do guerreiro), no qual lealdade e coragem eram os principais valores. A honra era tão importante para um samurai que, quando era manchada, executava um ritual suicida chamado seppuku para limpá-la. Felizmente, o fim dos s…

MUSEU NACIONAL DA INDONÉSIA EM JAKARTA

Imagem
Museu Nacional da Indonésia em Jakartapor  / 20/01/2016

Museu Nacional da Indonésia é um interessantíssimo museu histórico localizado na parte central de Jakarta cujo acervo retrata um pouco da história e cultura deste fascinante arquipélago composto por mais de 17.500 ilhas e formado por mais de 300 grupos étnicos diferentes e que fala nada mais nada menos que 752 línguas e dialetos diferentes. Popularmente conhecido como Gedung Gajah ou Elephant Building Museum por conta de uma estátua do elefante no pátio logo na sua entrada. O museu nacional da Indonésia conta com inúmeras e abrangentes coleções de artefatos históricos cobrindo praticamente todo o território da Indonésia e em diferentes períodos de sua história. Localizado adjascente ao MONAS, o monumento nacional da Indonésia, em Medan Merdeka Barat. O Museu Nacional da Indonésia em Jakarta é provavelmente o melhor museu da cidade e sem dúvida uma das 10 melhores atrações turísticas de Jakarta. Além de proporcion…

AS MANDALAS DE AREIA VARRIDAS...- TRADIÇÕES E RITOS ANTIGOS TIBETANOS

Imagem
As Mandalas de areia varridas…
As tradições e ritos antigos tem muito a nos ensinar se pudermos aprender sem julgar, independente da crença, podemos aprender a partir de todas as religiões, e isso é incrível! Neste post falaremos sobre uma das mais belas tradições do mundo antigo que permanece com a sua essência até hoje: a criação de mandalas. Os monges budistas tibetanos tem criado mandalas há 2.500 anos, e segue sendo uma das mais belas e simbólicas tradições religiosas do mundo. Cada mandala tem o seu ponto central circundado por um círculo, um desing de simetria perfeita com um significado específico que é acompanhado de várias divindades e símbolos. Para iniciar a criação da mandala, os monges realizam uma cerimônia de “abertura” cantando mantras e músicas ritualísticas para consagrar a terra na qual ela será criada. E então, um dos monges começa a desenhar uma base com lápis, régua e compasso no papel a partir de sua memória. Uma vez que as linhas bases são criadas, os monges tr…

MANDALAS DE AREIA COLORIDA - A ARTE SACRA TIBETANA (INCLÚI VÍDEOS)

Imagem
MANDALAS DE AREIA COLORIDA - A ARTE SACRA TIBETANA (INCLÚI VÍDEOS)
sábado, 13 de junho de 2015 Demolir castelos de areia pode ser muito divertido, igualmente pisar aqueles tapetes artesanais que enfeitam as ruas no Corpus Christi. Muitos dizem que é um pecado destruir algo que demorou tanto para ser criado cuidadosamente, mas, para os monges do Tibet, que criam pinturas de areia requintadas, o desmantelamento seu trabalho é o único caminho. Segundo eles significa a impermanência da vida.
Mandala de areia, a arte de criar obras de arte complexas com areia colorida, é praticada por monges tibetanos como parte da tradição tântrica. Na língua tibetana, a arte é chamada dul-Tson-kyil-Khor (mandala de pó colorido). Como uma parte da mandala, milhões de grãos de areia são colocadas cuidadosamente sobre uma plataforma plana. Vários monges trabalham em uma única peça, o que pode levar dias ou semanas para ser concluído. A palavra mandala significa "círculo" em sânscrito e representa o c…